Diário de Maria

A Vila IV

novembro 11, 2013Ricardo Santo


 
 
Maria sentiu as cuecas pretas a desaparecer, ficando completamente nua naquele anexo. Num ápice as pernas foram afastadas pela dupla, revelando os lábios já inchados da sua cona que latejavam de desejo. Começaram por ser massajados habilmente pela loira da tatuagem tribal, aquele jogo exímio de dedos levou-a a contorcer-se, os lábios eram completamente absorvidos, explorados e intensamente esfregados num compasso delicioso, adorava aquela sensação de excitação extrema, eletrizando todo o seu ser, gemeu sem pudor durante diversos segundos enquanto era o centro das atenções. As suas mamas volumosas eram agora acariciadas por outro par de mãos, os mamilos já eretos eram violados, ora apertados, ora puxados, ora torcidos, levando-a a balburdiar palavras tolas e sem nexo. Tentou falar mas rapidamente outro par de lábios lhe foi oferecido, a sua boca silenciada por lábios carnudos que deslizavam pelos seus, sugando cada saliência, misturando sabores intensos que lhe elevavam os sentidos, estava com uma tusa descumunal e não se iria conter por muito mais tempo. Sentiu-se na obrigação de retribuir o prazer, enquanto a sua boca estava ocupada, esticou o braço e fez desaparecer dois dedos dentro da cona da parceira, estava tão húmida que deslizaram sem qualquer dificuldade, entrando e saindo diversas vezes, estocada após estocada, num vai-e-vem gostoso. Sentiu o seu clitóris a ser invadido de seguida, primeiro com pequenos círculos demorados em redor da pequena saliência, depois bem explorado e intensamente desflorado pela língua da loira tatuada. Foi rastilho mais do que suficiente para o pavio arder por completo, ofegou durante uns segundos, tentou resistir mas acabou por atingir o orgasmo bem na boca da parceira que se deliciava entre as suas pernas. Estremeceu por completo, as pernas tremiam descontroladas, todo o seu corpo estrava em transe, três corpos suados entregues ao prazer naquele pequeno anexo numa tarde que prometia emoções fortes.


Continua...

You Might Also Like

0 comentários

Popular Posts

Tumblr

Contact